O Patoense Pedro Morais Medeiros Neto, de 37 anos, foi assassinado no último sábado (08), na região de Guarabira. De acordo com a polícia, a vítima saiu de Patos para vender um gado que tinha em sociedade com um amigo, na região de Guarabira, e foi morta durante um assalto.

Segundo informações, Pedro Morais foi torturado e depois assassinado pelos suspeitos a fim de que confessasse onde estaria o dinheiro da venda do gado. A polícia informou que o carro da vítima e um cordão de ouro foram levados pelos assassinos, o que comprovaria o latrocínio (roubo seguido de morte). Os suspeitos não levaram o dinheiro da venda do gado, pois já havia sido depositado em sua conta bancária.

A vítima morava no Luar de Angelita, região da Zona Norte de Patos. Pedro Neto deixa esposa e dois filhos.

Fonte: Diário do Sertão

Leia mais notícias em: catoleemfoco.com
Nossas redes sociais, sigam: Facebook, Instagram e Twitter
Nossos grupos do whatsapp: 01, 02, 03, 04 ou 05
Entre em nosso grupo do Facebook: Clique aqui