Um homem foi preso nesta quarta-feira (13) em Bayeux, na região metropolitana de João Pessoa, após ser denunciado por homicídio em Tabira, no Sertão de Pernambuco. O homem teria conversado com a sogra sobre o crime, no WhatsApp, conforme revela uma captura de tela feita de celular.

Contra ele, havia um mandado de prisão expedido no município pernambucano. Ao ser preso em Bayeux, ele confessou que matou um homem em Tabira.

Cristiano da Silva Ribeiro, de 39 anos, teria dito que cometeu o crime em legítima defesa, pois já havia sido esfaqueado pelo homem que ele matou.

No WhatsApp, ele teria comentado com a sogra dizendo que a esposa apontou que a vítima não tinha sido presa pelo que fez contra o marido dela, mas que agora, morto, não cometeria mais nenhum ato criminoso. “Marielly diz: ‘acho engraçado que quando ele furou Cristiano ele não foi preso. Mas agora ele não mata mais ninguém’.”

homem e preso na paraiba suspeito de assassinato e comentar crime no whatsapp

Catolé em Foco com PBHoje

Mais notícias em catoleemfoco.com
Nossas redes sociais Facebook, Instagram e Twitter
Entre em nosso grupo do whatsapp (Clique no número): Grupo 01, Grupo 02, Grupo 03 ou Grupo 04.