Grávida de 36 semanas, é morta e tem o bebê roubado da barriga

gravida de 36 semanas e morta e tem o bebe roubado da barriga

Um caso chocante abalou a pequena cidade de Canelinha, em Santa Catarina. Flávia Godinho Mafra, grávida de nove meses, que estava desaparecida desde ontem, 27 foi encontrada sem vida pela polícia Militar na manhã desta sexta-feira. Ela teria sido morta para que o bebê fosse roubado.

A família anunciou o desaparecimento de Flávia no início da noite de quinta-feira. Ela tinha saído à tarde para ir a um chá de bebê surpresa em São João Batista e não retornou mais para casa.

A última mensagem visualizada no aplicativo de WhatsApp foi às 15h48. Sem notícias, a família divulgou fotos de Flávia nas redes sociais pedindo notícias da moça, que estava grávida de 36 semanas.

Na manhã de hoje veio a notícia. O corpo de Flávia foi encontrado pela PM. Ela teria sido morta e o bebê retirado da barriga. A assassina seria uma conhecida, que simulou uma gravidez e decidiu roubar o bebê de Flávia.

O capitão Márcio Favoretto, da PM de Tijucas, confirmou que está com duas pessoas presas acusadas pelo assassinato. A acusada teria dado entrada no hospital Joana de Gusmão, em Florianópolis, alegando que teve o filho em casa. Só que as enfermeiras desconfiaram da conversa e chamaram a polícia.

Na tarde desta sexta-feira as polícias Civil e Militar farão uma coletiva à imprensa sobre o caso. As informações são do site Diarinho.

Fonte: Perfil News

Entre em nossos grupos:

34Siga nossa página, seguir a paginaVeja mais notícias clicando AQUI