Anúncio Patrocinado

Em uma situação muito crítica o mercado das frutas de Catolé do Rocha não tem nem previsão da entrega de reforma que está atrasada

mercado das frutas
mercado das frutas
Anúncio Patrocinado

O Centro de Abastecimento Geraldo de Nelson mais conhecido como Mercado das Frutas em Catolé do Rocha passa por uma situação de precariedade, a população não utiliza o que deveria ser o principal mercado da cidade, com suas más condições atuais pouco se há um atrativo para os catoleenses.

Foi anunciado uma reforma e recuperação para ter início em 2015 com um valor total de R$493.748,68 da obra, com um contrato de repasse do governo federal no montante de R$341.250,00 e uma contrapartida do município com recursos próprios no valor de R$152.498,68. Esta reforma tinha previsão de ser entregue no dia 31 de dezembro de 2015.

Quase dois anos depois da data prevista do seu início de lá pra cá nada mudou, a reforma se inicia e para por diversas vezes, e isso é muito ruim para os ambulantes ali instalados e também a questão de saúde pública no entorno do local que é bastante delicada.

O vereador Geraldo Amélio esteve lá no ano passado e disparou à época “O prefeito de Catolé começou uma pequena reforma no Mercado das Frutas, eu fui lá verificar, mas tudo está muito longe, e de restos está uma imundície e eu tenho certeza de que o prefeito de Catolé nunca visitou o local, porque está feia a situação, os banheiros ninguém tem coragem de utilizar, Mercado esse que leva o nome de Geraldo de Nelson um grande feirante de Catolé. Peço por sinal ao prefeito que abra a rua João Agripino que serve de acesso ao mercado e a muitas lojas e está assim por ordem do prefeito”; acusou.  

O Sertão é Notícia esteve no local e esperamos que os vereadores e a população continuem cobrando o gestor para que assim se der uma melhor qualidade de vida ao povo catoleense.

 

Por Iam Pontes

Entre em nossos grupos:

34Siga nossa página, seguir a paginaVeja mais notícias clicando AQUI